Autenticar
Main menu

A AEG utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar
Saiu o primeiro número da Kallaikia, Revista de Estudos Galegos

Saiu o primeiro número da Kallaikia, Revista de Estudos Galegos

Desde que surgiu a necessidade de ser criada umha entidade como a Associaçom de Estudos Galegos (AEG), vocacionada para o estudo e a divulgaçom científica do padrom galego e da nossa língua, com umha conceçom reintegracionista, logo se concluiu a necessidade de umha publicaçom própria orientada a esses mesmos objetivos.

Kallaikia é a concreçom dessa ferramenta com a qual comunicarmos com o público galego, servindo ao mesmo tempo de espaço aberto para a produçom científica e artística, sempre com a Galiza como principal ponto de partida e de chegada.

Julgamos, com esta iniciativa, estar a preencher um espaço necessário e nunca suficientemente atendido: o da produçom e divulgaçom teórica, de teor inequivocamente científico e vontade transformadora no sentido que os nossos Estatutos estabelecem como próprios da AEG.

Assim, os trabalhos relativos ao corpus e status da nossa língua terám um lugar permanente nas páginas da Kallaikia, mas também outras áreas das ciências sociais e naturais, assim como as artes, com umha perspetiva de inequívoco serviço à construçom nacional da Galiza.

Isso nom significa que os conteúdos da nossa revista vaiam ficar restritos nas fronteiras galegas. Ao invés, afirmamo-nos como entidade e revista galega, como melhor forma de exercer, a partir deste canto da Europa ocidental, a verdadeira forma do universal, que sempre se expressa através da identidade nacional que a cada coletivo humano corresponde.

Sendo a nossa vocaçom de estudo e divulgaçom, convidamos desde já as pessoas que nos leem para participarem no projeto que agora começa a andar. Desde a simples leitura, até a assinatura permanente, passando polo envio de trabalhos que julgarem de interesse, som muitas as formas de colaboraçom com a Kallaikia.

Além do mais, fazemos questom também de favorecer a máxima divulgaçom da publicaçom da AEG por todos os meios possíveis, digitais e impressos.

Agradecemos desde já a colaboraçom de todos e todas as pessoas que escrevem neste primeiro número e a todos vós, leitores e leitoras, convidamos-vos a tornar-vos desde já assinantes da Kallaikia.

Primeiro número já na rua

Saiu o primeiro número da revista da Associaçom de Estudos Galegos (AEG). Trata-se de um projeto de caráter científico, divulgativo e comunicativo, que tem a nossa língua como eixo articulador e abrange todos os ámbitos do saber e a Galiza como referente principal.

A sua periodicidade será semestral, saindo portanto dous números por ano. As suas páginas estám abertas a colaboraçons que o comité de redaçom julgar úteis para os objetivos da construçom nacional que, junto à normalizaçom do galego com umha perspetiva reintegracionista, sustentam toda a atividade da nossa associaçom.

A revista Kallaikia será sustentada economicamente pola rede de assinantes que decidirem apoiá-la. Para eles e elas, assim como para outros locais de referência, existirá umha ediçom impressa pontualmente entregue. Posteriormente, cada número será gratuitamente disponibilizado em formato digital no site da AEG antes da saída do seguinte número em papel.

A revista terá por volta de 150 páginas e em cada número terá um tema central, junto a outros conteúdos de língua, história, literatura, económica, ciências... todo cabe ao serviço da Galiza e da sua construçom nacional, desde que assuma uns mínimos de caráter científico que garantam a qualidade dos materiais incluídos.

Só para veres como é que todo isto se concretiza, estes som os conteúdos do número 1, que tem como tema central o Centenário das Irmandades da Fala:

1. Joám Lopes Peres: "Centenário do alçamento da Páscoa"
2. Uxio Breogán: "História das Irmandades da Fala."
3. Henrique da Costa: "Umha literatura para construir um país: As 'Irmandades da Fala'"
4. Eliseo Fernández: "Internacionalismo operário em tempo de Irmandades"
5. Carlos Garrido: "Valorizaçom do critério da coerência sistémica para patentear a superior adequaçom da codificaçom reintegracionista no ámbito da estagnaçom e suplência castelhanizante do léxico galego"
6. Raquel Paz: "Aproximaçom à situaçom lingüística do Quebeque"
7. Ramiro Vidal Alvarinho: Poemas
8. Alberte Corral Iglésias: Contos
9. Maurício Castro: "Ediçom galega de O Imperialismo, fase superior do capitalismo. 100 anos de vigência"
10. Carlos L. Bernárdez: "Jorge Rodrgues de Gomesende: Frouma de Ruivéns. O sonho que na tua língua mora."
11. Miguel Urbano: "José Velo Mosquera, revolucionário puro e cavaleiro da utopia".

Julgas de interesse um projeto como este?

Queres colaborar desde já para a sua viabilidade?

Fai-te assinante da Revista Kallaikia aqui, pagando a quota de 15 Euros por ano (2 números) e apoia a produçom e divulgaçom cultural e científica galega.

Também podes enviar-nos os teus dados ao correio eletrónico Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. para formalizar a tua assinatura e receberás o primeiro número na tua morada.

Última modificação emDomingo, 04 Dezembro 2016 16:54
Avalie este item
(2 votos)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Facebook Twitter RSS Global